Ministério da Juventude e Desportos
Desporto

Angola sagra-se campeã africana em sub-18

A Selecção Nacional masculina de basquetebol de Sub-18 conquistou o segundo título da categoria ao derrotar o Egipto por 82-86, após prolongamento, fruto da igualdade no tempo regulamentar (77-77), em partida da final do Campeonato Africano das Nações (Afrobasket), disputada no Pavilhão Amahoro, em Kigali, capital do Ruanda.

Depois de Maputo em 1988, sob comando de Mário Palma, o “cinco” nacional repetiu a proeza numa partida marcada pelo equilíbrio, diante do então campeão em título, totalizando sete vitórias em igual número de jogos.

O equilíbrio começou por prevalecer nos primeiros cinco minutos do primeiro quarto, com os dois conjuntos a tentarem evitar cometer erros. Aos poucos, as correcções defensivas permitiram aos pupilos de Manuel Silva “Gi” melhorar também no capítulo ofensivo, tendo vencido, por 16-25, neste período.

No entanto, os faraós entraram para o segundo quarto com a lição bem estudada, imprimindo uma defesa à zona dois/três. Angola respondia de forma tímida, pois o adversário criou alguns embaraços, permitindo fazer uma recuperação notória e saiu a perder pela margem mínima (40-41), ao intervalo.

Vislumbrava-se uma segunda parte ainda mais equilibrada, e assim aconteceu. Angola chegou a fazer um parcial, de 13-5, mas prontamente foi anulado. Os então campeões entraram para o último quatro com uma vantagem de três pontos (61-58). Este foi o período mais equilibrado de uma final imprópria para cardíacos, com alternância constante no marcador. As duas equipas terminaram empatadas a 77 pontos no último período do tempo regulamentar.

No tempo extra Angola marcou nove pontos e sofreu cinco, perfazendo no global, 86-82, conquistando desta forma o segundo título africano da categoria.

O presidente do Ruanda, Paul Kagame, fez a entrega do respectivo troféu aos campeões. Angola, Egipto e Mali são os representantes africanos no Mundial de Sub-19, a decorrer em 2017, no Cairo. O extremo angolano Sílvio Sousa foi eleito o Jogador Mais Valioso (MVP) do torneio.

Jornal de Angola